Desejo do paciente por antibiótico pode levar o médico a prescrevê-lo

receitaOs médicos são mais propensos a prescrever antibióticos se eles acharem que os pacientes esperam que estes medicamentos sejam prescritos, de acordo com um estudo publicado na revista Health Psychology. O estudo incluiu 436 médicos no Reino Unido. Os pesquisadores realizaram experimentos e apresentaram dois diferentes cenários aos médicos, nos quais eles teriam que escolher se iriam prescrever antibióticos.

Os pesquisadores descobriram que os médicos tinham uma maior probabilidade para prescrever antibióticos se os pacientes tinham grandes expectativas de receber estes medicamentos. Isto era verdade mesmo se o médico não achasse que o paciente tinha uma infecção bacteriana.

Muito esforço tem sido dispendido em incentivar os médicos a aderir à diretrizes clínicas ao prescrever antibióticos. No entanto, com poucas exceções significativas, esses esforços raramente abordam os fatores não-clínicos, tais como a forma de lidar com as expectativas dos pacientes, segundo os autores do estudo.

Fonte: Terra (Boa Saúde) e Health Psychology, Feb 16, 2017

‘‘João respondeu, e disse: O homem não pode receber coisa alguma, se não lhe for dada do céu.” João 3:27 (clique aqui e se surpreenda)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s