Venda de genéricos é impulsionada por medicamentos contínuos

Situação econômica do País ajudou na alta das vendas.

genéricos vendaA crise econômica aumentou as vendas de medicamentos genéricos, especialmente os de tratamento de doenças crônicas como hipertensão e diabetes. De 2014 até o final do ano passado, enquanto o mercado farmacêutico teve alta de 16,67%, as vendas de genéricos em unidades cresceram 29,75%, de acordo com levantamento da PróGenéricos.

Entre os anti-hipertensivos, os números são ainda mais acentuados. Os produtos similares venderam 26%, os medicamentos de referência, 10% e os genéricos registraram alta de 38%. Como o tratamento não pode ser interrompido, a troca de produtos de marca pelos genéricos se tornou ainda mais visível.

Segundo a pesquisa, a chegada de produtos genéricos para hipertensão e controle de colesterol expandiu o mercado farmacêutico e ampliou o acesso ao tratamento das doenças. De 1999 até 2016, as vendas de anti-hipertensivos saíram de 67 milhões para 431,4 milhões em unidades. Já os antilipêmicos foram de 3,4 milhões para 67,3 milhões de unidades.

Fonte: Guia da Farmácia

‘‘Jesus disse: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui.” Lucas 12:15 (clique aqui e se surpreenda)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Notícias. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s