Vaga para Farmacêutico(a) na cidade de Londrina – PR

Londrina PR BrasilJardim Bandeirantes.
Para atuar em farmácia de dispensação.
Com ou sem experiência.
Horário: de segunda à sexta-feira das 8 às 12 horas e aos sábados, das 9 às 13 horas.
Remuneração: piso salarial proporcional.
Maiores informações com Rosana pelo telefone (43) 9 9112-6632 (whatsapp).
Enviar currículos para o e-mail farmaciaarauna@sercomtel.com.br (Farmácia Araúna).
Colaboção: Talita Tashima
Esclarecimento sobre as vagas de emprego divulgadas no blog

“Mas eras tu, homem meu igual, meu guia e meu íntimo amigo.” Salmos 55:13 (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Anúncios
Publicado em Vagas de Emprego | Publicar um comentário

Parabéns pelo seu dia, Farmacêutico(a)

dia do farmacêutico 2018😍 Aos guerreiros da farmácia de dispensação, da manipulação, da indústria, das análises clínicas, do hospital, da distribuidora, da docência ou de outras áreas de atuação, os nossos mais sinceros parabéns pelo seu dia!!! 🎉🎊🎁

Publicado em Outros | Publicar um comentário

Como combater o preconceito contra os mais velhos no trabalho

Estudo mostra que estereótipos não têm respaldo científico e mudança depende de esforço coletivo.

idoso trabalhoAno novo, vida nova? No que diz respeito ao preconceito contra os mais velhos no ambiente de trabalho, nada mudou. Para piorar, o mundo digital pode trazer novos riscos, como mostrou reportagem do jornal “The New York Times” em parceria com o “ProPublica” publicada em dezembro. De acordo com a matéria, anúncios de emprego no Facebook são direcionados a públicos específicos – por exemplo, pessoas até 35 anos – e, graças aos algoritmos utilizados, não há como candidatos acima dessa faixa etária tomarem conhecimento da vaga, mesmo que estejam plenamente capacitados para a função. Afinal, será que estamos diante de um novo tipo de discriminação?

Os baby boomers estão chegando em massa à aposentadoria. É uma geração mais bem-sucedida que a de seus pais e avós, e a primeira a colher integralmente os frutos da longevidade, mas que agora também enfrenta um problema coletivo: seus empregadores não os querem mais. A AARP, a associação americana que congrega 37 milhões de pessoas acima dos 50 anos, afirma que dois terços de seus membros já experimentaram ou testemunharam preconceito conta a idade. No Brasil, pesquisa do Datafolha realizada em novembro mostrou que nove entre dez brasileiros acreditam que há preconceito contra os mais velhos, e seis dizem que ele é grande.

Para mudar esse quadro, é necessário um esforço coletivo da sociedade. Eu, por exemplo, decidi não usar mais o termo “tsunami prateado” para me referir ao fenômeno da longevidade, porque não se trata de uma ameaça como uma onda gigante que devasta cidades inteiras. Os mais velhos podem até não ter o mesmo vigor físico, mas experiência e sabedoria compensam e as empresas que investem em times intergeracionais se beneficiam com essa troca.

Veja alguns dos estereótipos mais frequentes no ambiente corporativo a serem combatidos: você já viveu ou reconhece uma dessas suposições?
• Jovens investem mais no desenvolvimento de novas habilidades
• Jovens ficam mais motivados com o trabalho
• Pessoas mais velhas negligenciam a saúde
• Os mais velhos ficam exaustos com o trabalho
• Gente mais velha só pensa em desacelerar e se aposentar
• Os mais velhos têm menos interesse em explorar novas ideias e oportunidades

Pois um estudo da London Business School provou que, estatisticamente, essas conjecturas são falsas, não se sustentam no dia a dia de uma empresa. No entanto, os mais velhos também têm que fazer sua parte, apostando no aprendizado contínuo. Isso tem que ser o projeto de vida desta e das próximas gerações.

Fonte: G1

“Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens” Filipenses 2:7 (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Publicado em Notícias | Publicar um comentário

Vaga para Farmacêutico(a) na cidade de Arapongas – PR

Arapongas PR BrasilPara trabalhar em farmácia de dispensação.
Preferencialmente com experiência.
Carga horária de 22 horas semanais.
Remuneração: R$ 1.500,00.
Maiores informações com Marcelo ou Simone pelo telefone (43) 3055-2171 ou 9 9851-3535.
Enviar currículos para o e-mail drogapopular03@gmail.com (Droga Popular).
Esclarecimento sobre as vagas de emprego divulgadas no blog

“O Senhor já ouviu a minha súplica; o Senhor aceitará a minha oração.” Salmos 6:9 (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Publicado em Vagas de Emprego | Publicar um comentário

Ununênio, o novo elemento químico que os cientistas japoneses tentam criar

O elemento 119 ainda não existe na tabela periódica, mas uma equipe do Japão quer sintetizá-lo, mesmo que seja apenas por milissegundos.

UnunênioUma equipe de cientistas japoneses embarcou recentemente em um projeto tão fascinante quanto complexo: a busca pelo elemento 119 da tabela períodica. Em 2016, a tabela criada pelo químico russo Dimitri Mendeléiev em 1869 ganhou quatro novos elementos: o 113 (nihônio), o 115 (moscóvio), o 117 (tennessino) e o 118 (oganessono).

Agora, o físico Hideto Enyo e sua equipe querem inaugurar a oitava fileira da tabela com um metal chamado – até agora – de ununênio (um, um e nove, em latim), que ninguém, até o momento, conseguiu sintetizar. Os elementos da tabela periódica são organizados pelo número de prótons no núcleo do átomo de cada um, pela distribuição de seus elétrons e pela recorrência de suas propriedades periódicas.

Plano – Os elementos mais leves, como o hélio (2) e o lítio (3), se formaram imediatamente após o Big Bang. O restante, a partir de uma fusão nuclear no coração das estrelas. Os elementos que têm um número de prótons superior a 26 têm uma origem mais duvidosa. E os que são mais pesados que o plutônio (94) não existem naturalmente na Terra. Eles precisam ser sintetizados em laboratório. Isso ocorre porque, com mais de 94 prótons, o núcleo do elemento se torna instável.

O plano dos cientistas japoneses é disparar feixes do metal vanádio, de 23 prótons, contra um alvo de cúrio (96), um elemento criado artificialmente. O experimento deve acontecer em um acelerador de partículas perto de Tóquio. A fusão de ambos, criada a partir deste evento superexplosivo semelhante a um cataclisma cósmico, daria como resultado o novo elemento superpesado.

Dificuldades à vista – Até aqui parece fácil: 23+96= 119. Mas a conta está longe de ser simples. As explosões necessárias para criar esse elemento são raras, e a colisão precisa acontecer com a quantidade de energia exata necessária para que a experiência funcione. Se não houver energia suficiente, os núcleos de ambos os elementos ricocheteiam, e a fusão não ocorre. Mas se a explosão for forte demais, o novo átomo se desintegrará.

Por outro lado, há outras combinações de elementos possíveis para criar o ununênio, mas ainda não se sabe exatamente qual é a melhor. Outra equipe de cientistas já tentou, sem sucesso, disparar um feixe de titânio (22) contra um alvo de berquélio (97). A soma de seus números de prótons também é 119, mas a experiência não funcionou. Além disso, tais operações são caríssimas e, mesmo que tenham sucesso, conseguem criar um elemento que se mantém coeso por apenas milésimos de segundos. O estudo japonês ainda está em fase inicial, e ainda pode levar anos para obter resultados.

Fonte: G1

“Ó, vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor que nos criou.”  Salmos 95:6 (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Publicado em Notícias | Publicar um comentário

Puberdade precoce em meninas pode levar a distúrbios mentais

precoceMeninas que têm puberdade precoce, menstruando antes dos dez anos, têm maior risco de desenvolver depressão e comportamentos antissociais que duram pelo menos até os 20 anos, sugere um novo estudo da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos.  A causa da puberdade precoce geralmente não é conhecida. Também não há uma maneira comprovada de preveni-la.

As meninas que passaram pela puberdade antes de seus pares tendem a ser psicologicamente mais vulneráveis ​​durante a adolescência. Não havia sido claro, no entanto, se essa vulnerabilidade se estende além da adolescência. Os pesquisadores seguiram um grupo de quase 8 mil jovens da puberdade até quando completaram 30 anos.

Quase 7% das voluntárias avaliadas tiveram seu primeiro período menstrual aos dez anos e 19% aos 11 anos, de acordo com o estudo. Verificou-se que as meninas que passaram pela puberdade mais precocemente apresentam taxas mais elevadas de sintomas depressivos e comportamento antissocial do que os seus pares cuja puberdade iniciou-se depois dos dez anos, mesmo em uma década após a adolescência.

Fonte: Terra (Boa Saúde) e Pediatrics, Dec. 26, 2017

“Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm” 1 Coríntios 10:23a  (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Publicado em Notícias | Publicar um comentário

Em caso raro, homem rompe garganta e tem dificuldade para falar após segurar espirro

Situação publicada no ‘BMJ Case Reports’ mostra caso atípico de rompimento da parte de trás da garganta após um único espirro.

espirroUm homem de 34 anos no Reino Unido rompeu a parte de trás da garganta após segurar um espirro, o que o deixou quase sem fala e com dificuldades para engolir temporariamente. O caso foi publicado no “British Medical Journal Case Reports”, braço do periódico BMJ que costuma publicar casos atípicos da medicina.

Segundo o relato, o homem colocou a mão na boca e apertou o nariz com a outra mão na tentativa de conter um espirro: como consequência, acabou por fraturar gravemente a garganta. O caso é surpreendente, dizem médicos que atenderam o paciente, porque a ruptura da parte de trás da garganta só é vista em traumas e acidentes.

Ela pode, ainda, ser reportada em vômitos ou tosse intensa, mas dificilmente após um único espirro. A fratura foi seguida de dores intensas, e bolhas de ar passaram a invadir tecidos, levando o homem à internação. No hospital, o paciente foi alimentado por tubos e recebeu antibióticos até ser liberado sete dias depois.

Fonte: G1

“E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo.” Mateus 10:28 (clique aqui, assista o vídeo e se surpreenda)

Publicado em Notícias | Publicar um comentário